Akzonobel investe 90 Milhões de euros em estratégia de crescimento para a tender a maior fábrica de celulose do mundo.

25 janeiro 2011

 

São Paulo, 24 de janeiro de 2011 - A AkzoNobel apresentou sua intenção estratégica para acelerar o crescimento, ao investir cerca de 90 milhões de euros em uma nova fábrica a ser construída no Brasil. A fábrica, operada pela unidade de negócios de produtos químicos para papel e celulose da empresa, a Eka Chemicals, atenderá a maior da usina de celulose do mundo.

O acordo com a Eldorado Celulose e Papel enfatiza a importância de mercados de alto crescimento para a AkzoNobel e ajudará a impulsionar a estratégia de médio prazo que consiste em dobrar o faturamento no Brasil para 1,5 bilhão de euros. O valor que a empresa dá às parcerias de longo prazo com os clientes também será destacado por esse acordo.

O investimento, o maior da AkzoNobel na América Latina, está concentrado em expandir ainda mais o conceito de ilha química, com foco em sustentabilidade, da Eka Chemicals. A fábrica abrangerá o fornecimento, armazenamento e manipulação de todos os produtos químicos para os 1,5 milhões de toneladas por ano da fábrica nova (Green Field Mill), que está sendo construída na zona norte da cidade de Três Lagoas (MS). A usina deverá entrar em operação em setembro de 2012.

“Este acordo de 15 anos confirma a nossa intenção de acelerar o crescimento e expandir nossas atividades nas regiões de grande crescimento do mundo”, disse Rob Frohn, do membro do conselho da AkzoNobel responsável pela unidade de Especialidades Químicas. “Estamos prestes a fazer um dos maiores investimentos da nossa história, que realça tanto a importância da América Latina para as nossas ambições de crescimento, quanto o nosso comprometimento com a indústria de papel e celulose”, completa.

O Diretor Geral de Produtos Químicos para Papel e Celulose Jan Svärd, acrescenta: “A demanda futura na América Latina de produtos químicos para papel e celulose deve aumentar substancialmente nos próximos 15 anos. Este acordo representa, portanto, uma animadora oportunidade para expansão das nossas operações na região e destaca ainda mais o valor que os nossos clientes dão ao nosso conceito de ilha química”.

Ele reforça que a Eka Chemicals construirá uma unidade de produção em escala mundial de clorato de sódio para atender as demandas esperadas da usina Eldorado, projetada para acomodar três linhas de celulose. A nova instalação da Eka Chemicals fornecerá também para outros clientes importantes no Brasil. O trabalho na nova usina de celulose começou em junho do ano passado.

Ao comentar sobre o acordo, o presidente da Eldorado, Rogério D'Alcântara Peres, completa: “Construir a maior usina de celulose do mundo exige trabalho com parceiros confiáveis que podem fornecer a melhor tecnologia. O já comprovado conceito de ilha química, da AkzoNobel, juntamente com o expertise em nível mundial da empresa e o forte comprometimento desta com a sustentabilidade, deixou claro que eles eram uma escolha natural para um projeto desse porte”.

A nova instalação expandirá a já bem estabelecida atividade de papel e celulose da Eka Chemicals no Brasil, que opera o conceito de ilha química em diversas usinas, assim como em unidades de produção em andamento em Jacareí (RJ), Eunápolis (BA), Três Lagoas (MS), Rio de Janeiro (RJ) e Jundiaí (SP).

 

Sobre a Eka Chemicals

A Eka Chemicals é líder global em tecnologia e produtos químicos utilizados para branqueamento de celulose e aditivos para fabricação de papel. Seus 2.800 funcionários servem a indústria de celulose e papel em escritórios e fábricas espalhados por 30 países. No Brasil, implantou todas as novas plantas de dióxido de cloro nas fábricas de celulose dos últimos 15 anos. Em 2005, inaugurou a Eka Bahia, localizada na cidade de Eunápolis, uma ilha química de dióxido de cloro, hidrogênio, oxigênio e tancagem para soda cáustica, peróxido de hidrogênio, ácido sulfúrico, metanol e outros químicos, além de uma fábrica de clorato de sódio com capacidade para 58 mil ton/ano, para atender às necessidades das fábricas de celulose da região. No início de 2009, a Eka colocou em operação outra ilha química de dimensões semelhantes, em Três Lagoas (MS). A Eka Chemicals constitui uma unidade de negócios do Grupo AkzoNobel, a maior empresa de tintas e revestimentos do mundo. Visite: www.ekachemicals.com.br.

Sobre a AkzoNobel

A AkzoNobel é a maior companhia global de tintas e revestimentos e uma das principais fabricantes de especialidades químicas. A empresa fornece produtos inovadores para indústrias e consumidores no mundo inteiro e trabalha com paixão no desenvolvimento de soluções sustentáveis para seus clientes. O portfólio inclui marcas como Coral, Eka, Wanda, Dulux, Sikkens e International. Com sede em Amsterdã, na Holanda, é classificada como uma das companhias do Global Fortune 500 e ocupa posição de destaque no Índice de Sustentabilidade da Dow Jones. Com operações em mais de 80 países, seus 55 mil colaboradores no mundo inteiro estão comprometidos com a excelência e com o cumprimento da filosofia “As Respostas do Amanhã Hoje” (Tomorrow's Answers Today™).

 

Perspectiva Comunicação

Carolina Muramoto – carolina.muramoto@perspectivabrasil.com.br

Mabel Santos – mabel.santos@perspectivabrasil.com.br

Isabel Esteves – Isabel.esteves@perspectivabrasil.com.br

Jô Ribeiro - jo.ribeiro@perspectivabrasil.com.br

Tel: (11) 3706.3333 / www.perspectivabrasil.com.br / @PerspectivaPR

Diretora de Atendimento

Paula Pedroso – paula.pedroso@perspectivabrasil.com.br